Viagem internacional de avião com bebê

Quando viajamos com nosso bebê, tudo é diferente ainda mais se tratando de uma viagem de avião internacional!

Desde que tive a minha primeira experiência viajando sozinha de avião com o meu bebê , pensei em escrever este post e dividir com vocês o que julgamos importante numa viagem deste tipo.

No próximo domingo é o dia das mães aqui na França e acabei pensando sobre a importância deste post. Organizei as informações e ai vão elas:

1°) Para a grande maioria das companhias aéreas crianças com menos de 2 anos são consideradas como bebês, se viajarem no colo ou no berço especial fornecido gratuitamente pela companhia aérea. Nestas condições o bebê não paga nada ou quando paga o valor é relativo a taxa de embarque que custa em torno de 10% da passagem.

2°) Ao adquirir a sua passagem, reserve um acento prioritário, na 1ª fileira do avião que há espaço para se colocar um berço portátil (fornecido pelas companhias aéreas sem custo suplementar). Parece óbvio que as companhias aéreas coloquem nesta poltrona mães com seus bebês, porém não é, e se o vôo estiver lotado você corre o risco de ter que viajar com um bebê no colo durante 12 horas! Na 1a vez que fui para o Brasil não tinha reservado este acento com antecedência e quase me dei mal.

3°) Se o seu bebê já come, solicite previamente as comidinhas especiais para bebês, mas leve na mochila do bebê todas as refeições em dobro e mais uma de reserva nunca se sabe se os horários do vôo serão compatíveis com a fome do seu bebe. Além disso um vôo pode atrasar, você pode pegar um transito na chegada, no destino. Leve também o leite, frutas, biscoitinhos e outros que ele esteja acustumado a comer. Eventualmente  estas comilaças servirão para acalma-lo se preciso for.

4°) Verifique junto com a companhia o peso permitido da mala do bebê assim como os equipamentos que você tem direito a  levar. As companhias aéreas permitem que você leve o carrinho do bebê (sem custo adicional). Aproveite e o leve, ele é bem útil, leve também uma bolsa canguru pois o carrinho você terá que deixa-lo na porta do avião e se seu bebê não souber ainda andar é bom ter as 2 mãos livres para poder colocar a mala de mão no bagageiro.

5°) Na hora de escolher a bagagem de mão a ser levada, dê preferência as mochilas, para você ter as mãos livres.

6°) Etiquete o carrinho e se ele dividir em diversas partes, etiquete todas! No check-in peça um saco grande de plástico para ensaca-lo para ele não chegar sujo ou molhado.

7°) Mesmo se o seu bebê não esteja doente, faça uma consulta médica antes de partir

8°) Faça o bebê realizar o movimento de sucção (mamar, chupar chupeta ou outro) tanto na decolagem como na aterrissagem. Este gesto evitará que timpanos dele se fechem.

9°) Durante o vôo ofereça bastante água para o seu bebê

10°) Na malinha do bebê

Jogos, roupas quentes, pijamas, fralda, lencinhos humidecidos, rinosoro para limpar o nariz, medicamento para dor (tipo tylenol) e um termometro (as vezes os bebês sofrem com a pressão na decolagem e na aterrissagem), papinha, água, leite etc (mesmo com as atuais regras de segurança se pode levar para o seu bebe todo tipo de alimentação e bebida que ele necessite e tudo o que ele precise para sua higiene pessoal).

11°) Durante o vôo, se precisar de ajuda, solicite os comissários de bordo para esquentar uma mamadeira, papinha ou outro.

12°) Em todos as aeronaves há pelo menos um banheiro com trocador para bebês. Em muitas companhias é proibido trocar o bebe fora destes locais.

Quais documentos levar para o bebê?

  • Passaporte
  • carteirinha de vacinação
  • certidão de nascimento
  • Autorização de viagem se um dos pais não estiver presente durante o vôo ( este documento pode ser tirado em qualquer cartório que se tenha firma reconhecida)

Condições para embarque:

1°) Os bebês podem viajar com idade igual ou superior a 1 semana de vida, entretanto há companhias que pedem atestado médico para bebês menores de 3 semanas.

2°) Os bebês devem estar acompanhados de um adulto. Máximo 2 bebes para 1 adulto. No caso de 2 bebês, as companhias aéreas costumam cobrar uma passagem a mais.

3°) Adultos acompanhados de bebês tem prioridade para o check-in e para a entrada e instalação na aeronave.

4°) Segurança: os comissários de bordo te entregarão um cinto de segurança para o seu bêbe que deve ser preso ao seu. Ele deve ficar preso à você, permanecendo no seu colo durante a decolagem, a aterrissagem e em caso de turbulência.

Observação: Mulheres grávidas que a gestação corre normalmente pode viajar até a semana N° 36

Para o seu total conforto solicite nossos passeios com motorista a disposiçao. Todos nossos carros são equipados com cadeirinha de carro adaptada a idade do seu bebê.

Possuimos também  serviço de baby sitter brasileiras.

Boa viagem e aproveitem Paris em Familia!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s